20 março 2006

O novo mandamento


Nenhuma mensagem foi mais pregada por Jesus do que o amor, e quando todos pensavam já ter ouvido tudo sobre o assunto Ele disse: “Um novo mandamento vos dou: que vos ameis uns aos outros; assim como eu vos amei a vós, que também vós vos ameis uns aos outros”. (João 13:34). Com certeza não era um assunto novo, mas Jesus estava dando um novo significado ao amor, quando Ele disse: “Assim com Eu vos amei” , o que realmente Ele queria era mostrar que agora todos podiam ver na prática o que já tinham ouvido tantas vezes, _“façam como eu fiz, é dessa maneira que o amor se torna real”_, era o que Ele estava dizendo. Jesus levou o amor até às últimas conseqüências, ele viveu e morreu por essa causa, nos deixando seu exemplo e a missão de continuarmos a sua obra. Hoje, somos testemunhas dos dias relatados em Mateus 24:12, onde diz que “... por se multiplicar a iniqüidade o amor se esfriará de todos”. A falta de amor talvez esse seja o sinal mais notório dos “dias do fim”, mas notem bem a palavra “quase”, pois ela faz toda a diferença. “Quase todos”, significa que ainda restará um grupo de guerreiros que não vão deixar esse amor se esfriar, essa pequena palavrinha soa como um apelo de Jesus, nos pedindo que façamos parte desse grupo, que nos esforcemos e cultivemos esse amor. É um desafio, e por tantas vezes deixamos passar as oportunidades que temos de vencê-lo. Todos os dias pessoas passam pelas nossas vidas e simplesmente não exercemos esse amor, penso que ninguém cruza o nosso caminho por acaso, sempre temos algo para oferecer e também para aprender com as pessoas. Precisamos estar atentos ao nosso próximo e lembrando que a todo tempo temos um novo mandamento batendo em nossas portas: “Que amemos uns aos outros como Jesus nos amou”.


Que Deus abençoe a todos.

6 comentários:

Elaine disse...

Oi,gatinho, bom nem precisa dizer quem é que está estreando esse comentário, desse texto tão lindo que vc soube comentar tão bem.Que Deus possa continuar te abençoando...continue sendo esta benção nas mãos do Senhor...e conte sempre comigo...

Kell disse...

Oie ALe,
recebi seu email de manhã, não vai dar tempo de responder mas estou passando "correndinho" aqui pra comentar.
Realmente, concordo com o que você disse, muitas vezes, senão todas, deixamos de exercer esse mandamento de Jesus.
É bem fácil amar e corresponder quem nos ama, o difícil é amar nossos inimigos, amar aqueles que odeiam a Deus ou amar aqueles a quem nem conhecemos....
Ora, temos que aprender a amar as pessoas por serem criação de Deus... não por seu credo, cor, etc etc etc.
Jah disse que vc escreve muito bem neh???
:)

Beijos, se cuida mocinho.

Letícia disse...

É triste ver como o amor tornou-se supérfulo hj em dia... Que o nosso diferencial seja o nosso cartão de visitas para apresentar Jesus! Bjos

Ines disse...

Oi maninho!
Nossa, como sempre passar por aqui, edifica minha vida e hj não foi diferente. Amei seu post e vou repassá-lo a uns amigos. Que Deus esteja te abençoando muito e derramando s/vc a Sua paz.
Beijo no coração

Anônimo disse...

...hj nao falarei nada...apenas um complemento, do que contem o texto...O AMOR, NUNCA FALHA,...TD CRÊ...TD ESPERA....TD SUPORTA...!(corintios 13) a proposito, desta vez n irei me identifikar!

Priscila disse...

O amor é que faz de nós cristãos e o que nos aproxima de Deus, porque Ele é amor manisfestado verbalmente.

As pessoas pensam que Deus nos cobra uma filiação religiosa, denominacional e excluem outros que não pertencem ao mesmo convívio, como se Deus fosse pedir carteira quando voltar como na entrada de um cinema. Na verdade, só Jesus é o caminho para a salvação e os mandamentos que Ele nos deixou foram esses mesmos: Amar ao próximo, amar a si mesmo e amar a Deus.

beijos!