25 junho 2006

Crises

"Por isso não desfalecemos; mas ainda que o nosso homem exterior se esteja consumindo, o interior, contudo, se renova de dia em dia. Porque a nossa leve e momentânea tribulação produz para nós cada vez mais abundantemente um eterno peso de glória". (II Co 4:16, 17)

Essa é uma das passagens bíblicas que mais amo.
A Bíblia não é uma propaganda enganosa de uma vida perfeita e sem problemas para os que decidem seguir o evangelho, mas, por outro lado, não nos desampara em momentos difíceis, ela nos mostra que podemos enfrentar os problemas e nos tornarmos pessoas melhores através deles. Uma coisa é certa, não importa quem seja você, seu nível cultural, sua classe social, a cor da sua pele, etc., as crises virão, e isso não é nenhum sinal de fraqueza, mas, a maneira como você reage a elas, fará toda a diferença. Gostaria de deixar o texto abaixo pra vocês refletirem, ele fala das duas maneiras que podemos reagir em uma crise.

"Na crise, ou eu cresço ou eu apodreço - não há meio termo. Eu posso utilizar minhas crises como grandes alavancas para o meu crescimento pessoal ou como justificativa e reforço para a minha mesmice, estagnação e resistência à mudança (que são sempre, em última análise, as verdadeiras causadoras de todas as minhas crises...).

Eu cresço com a crise quando digo adeus às estradas repletas de pegadas de pessoas, indo de lá para cá, sem chegar a lugar nenhum e resolvo trilhar o meu próprio caminho (mesmo que, também ele, não me leve a lugar nenhum...).

Eu apodreço com a crise quando me acomodo a ela, encontrando um jeito de ir sobrevivendo com ela sem ter que fazer nada, sem tomar providência nenhuma, mantendo tudo do jeito que está, usando e abusando de justificativas do tipo é a vontade de Deus..., a gente tem que aceitar..., eu já passei da idade..., etc, etc. Essa, na verdade, é apenas uma maneira de adiar a crise, tornando-a, com o tempo, ainda mais insuportável.

Crise só caba pra valer quando eu rompo em definitivo com os padrões de comportamento que estão envenenando o meu dia-a-dia, que estão transformando a minha existência num inferno, por mais céu que minha vida pareça aos olhos dos outros".

(Geraldo Eustáquio de Souza - Administrando minhas próprias crises)

Que Deus abençoe a todos.

6 comentários:

...eu... disse...

Parabens...belas palavras...tem td a ver comigo...ainda bem q pela misericordia e o AMOR DE DEUS por mim, e tbm , pq n dizer, pelo o AMOR q sinto por Ele ...a primeira opçao foi a q eu escolhi, pra VIVER..--->"...Na crise ou eu cresço ou eu apodreço"...

SIMPLISMENTE NETE

edi.suely disse...

Boa noite irmão,

Parabéns pela maravilhosa mensagem. A Bíblia nunca foi tão atual, tão moderna, só não vê; quem não quer ver. Passei aqui para conhecer e deixar meu comentários e aguardo a sua visita e seus comentários. Fique com a santa e gloriosa paz do Senhor.

Edimar Suely
edi_suely.blig.ig.com.br

Elaine disse...

Oi, Alê
Estou passando só pra dizer que essa mensagem é lindíssima. Que Deus continue te abençoando mais e mais.Bjin.
Elaine

LAZARO disse...

MEU AMADO ALEXANDRE, É MUITO BOM SABER QUE EXISTE HOMENS DE DEUS CAPACITADO PARA FAZER A OBRA DO SENHOR COM ALEGRIA,E AGRADA-LO EM TODAS OS MOMENTOS, FIQUE SABENDO QUE AS PALAVRAS DO SENHOR NÃO VOLTAM VAZIA, E QUE ELE ESTA BASTANTE FELIZ.E TAMBÉM TE FALAR QUE O SENHOR PREPAROU PARA VC UMA PESSOA MARAVILHOSA, ISTO EU TENHO CERTEZA, PODE ACOMPANHAR DE PERTO ESTA JOIA QUE O SENHOR COLOCOU EM SUA VIDA< SEMPRE QUE PRECISAR PODE CONTAR COMIGO(LÁZARO) 31 87117247

LAZARO disse...

MEU QUERIDO IRMÃO CONCORDO PLENAMENTE,QUE CRISES SÃO VENCIDAS QUANDO PASSAMOS POR ELAS,E SABEMOS TODOS(QUE O PRÓPRIO CRISTO NOS DEIXOU NA PALAVRA QUE NO MUNDO TERÍAMOS AFLIÇÕES,E ÉRA PARA NÓS TERMOS BOM ÂNIMO PORQUE ELE JA VENCEU A MAIOR DE TODAS, A MORTE,POR ISSO:
HOJE SOMOS LIVRES E SABEMOS QUE NÃO EXISTE IMPOSSÍVEL "PARA AQUELE QUE É VERDADEIRAMENTE FILHO DE DEUS."
QUE CRISTO CONTINUE ABENÇOANDO VC RICAMETE, E A TODOS QUE PASSAREM POR AQUI.
PR:SEM:LÁZARO

Cris disse...

Oiiiiiiii...Mediante às crises muitas das vezes temos atitudes que não são dignas de um filho de Deus, ou seja, acabamos nos acomodando, aceitando a derrota e não tomamos posse do MELHOR de Deus. Não devemos olhar a derrota ,a decepção, a rejeição e etc..., mas precisamos crer que Deus é o nosso pai que nos ama, nos acolhe e nos livra de todo mal. Não podemos desistir ou continuar vivendo do passado,mas é preciso ter esperança de que a crise irá passar. Bjs...